NovaCrítica-vinho.com - Índice do Fórum NovaCrítica-vinho.com
Forum de Discussão
 
 FAQFAQ   PesquisarPesquisar   MembrosMembros   GruposGrupos   RegistrarRegistrar 
 PerfilPerfil   Entrar e ver Mensagens ParticularesEntrar e ver Mensagens Particulares   EntrarEntrar 

degustação de vinhos italianos
Ir à página Anterior  1, 2, 3, 4
 
Novo Tópico   Responder Mensagem    NovaCrítica-vinho.com - Índice do Fórum -> Vinho
Exibir mensagem anterior :: Exibir próxima mensagem  
Autor Mensagem
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Seg Jul 09, 2007 7:57 pm    Assunto: Responder com Citação

Caro Abilio,
Fiz confusão com a sua pergunta, entendendo que perguntava pelo perfil da sangiovese a solo ou em corte.
Das caracteristicas da sangiovese, sinceramente não sei aponta-las, talvez a cor e as frutas, mas são muitas as variaveis nos seus vinhos, que é mais facil falar de estilo de vinho ( brunello, chianti, morellino, etc...) do que a varietal. É um pouco igual a tempranillo, aonde cada sinomía tem a sua própria identidade, onde pesa a adaptação da uva, o terroir, as técnicas enológicas, etc...
No Chianti Rufina e no Podere Brizio deu para ver bem a diferença entre um vinho estagiado em tonel e outro em barrica.
Tenho deparado com varios vinhos diferentes de uma mesma casta, que me sinto incapaz de reconheçer uma casta com segurança. As vezes acerto, as vezes erro. Quando se começa a ter alguma segurança que aquelas caracteristicas são de um determinado vinho, lá vem um vinho que derruba todas as certezas.

É muito interessante a colocação sua e do Rui Vasconcelos de procurar entender as varietáis.
Na minha opinião as brancas são mais faceis, por sofrerem menor interferência enológica, e manterem melhor as suas caracteristicas primárias.
Vamos nos falando, e aprendendo juntos.
Quarta feira agora, farei uma degustação do Trento-Alto Adige e vou ser apresentado à Teroldego.
Abraços
Luiz Otávio
_________________
De vinho em vinho vamos aprendendo um pouquinho.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
Abílio Neto



Registrado: Quinta-Feira, 1 de Setembro de 2005
Mensagens: 3677

MensagemEnviada: Ter Jul 10, 2007 8:24 am    Assunto: Responder com Citação

Caro,

Não fez nada confusão, complementou... Wink

E julgo ter razão, as castas brancas são mais marcadas pelas características.

Siga, por favor!

Abraços,

Abílio Neto
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
Chapim



Registrado: Sexta-Feira, 22 de Setembro de 2006
Mensagens: 622
Localização: Lisboa/Porto

MensagemEnviada: Qua Jul 11, 2007 2:44 pm    Assunto: Responder com Citação

Caros,

só para dizer que no site www.semidivinus.com é possível encontrar alguma informação interessante além dos belos vinhos italianos distribuídos por esta empresa.

Boas provas!
_________________
Rui Figueiredo

pelo vinho!
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Sex Jul 13, 2007 11:46 pm    Assunto: Responder com Citação

Estas são as minhas impressões da degustação do dia 11/07/2007:

1- Ferrari Maximum Brut VSQPRD Talento NV- Trento DOC - Método Clássico
Produtor- Ferrari Fratelli Lunelli- Trento – Itália.
Castas- Chardonnay
Enólogo- Mauro Lunelli
Teor alcoólico- 12,5%
Amadurecimento- 36 meses Sur Lie
Preço- R$ 157,50 - Decanter
Serviço- Servido a 7ºC
Excelente espumante. Não tirei nota.

2- Myrto IGT Vignetti Delle Dolomiti Bianco 2003
Produtor- Foradori – Mezzolombardo- Trento – Itália
Castas-60% Sauvignon Blanc e 40% Incrocio Manzoni
Enólogo- Elisabetta Foradori
Teor alcoólico- 13%
Amadurecimento- 40% fermentado em barricas de carvalho..
Preço- R$ 118,00 - Expand
Serviço- Servido a 10ºC
Cor amarelo palha com reflexos esverdeados, brilho médio, lagrimas abundantes, finas e verticais.
Nariz intenso e muito bom com jatobá, maracujá, pêssego, tutti frutti, avelã, manteiga, mel e mineral. Persistente.
Na boca mostrou-se muito agradável, fresco, com sensações de carambola, maracujá, frutas secas e notas minerais. Álcool equilibrado, acidez sápida, textura macia, corpo médio, equilibrado, com evolução muito boa; retrogosto intenso e excepcional, com boa persistência. Nota 80/16

3- Pinot Nero DOC Alto Adige 2003
Produtor- Franz Haas – Montagna – Bolzano – Itália.
Castas- 100% Pinot Noir
Enólogo- Franz Haas
Teor alcoólico- 12,5%
Amadurecimento-12 meses em barricas de carvalho
Preço- R$ 147,20- Decanter
Serviço- Aberto uma hora antes e servido a 16ºC
Cor rubi clarinho ( clarete ), brilho intenso, lagrimas abundantes, rápidas, finas e verticais.
Nariz intenso e muito bom com cereja, groselha, morango, especiarias, leve tostado e caramelo. Persistente.
Na boca mostrou-se muito agradável, fresco, com sensações de cereja, groselha, leve tostado, caramelo e pimenta. Álcool e acidez adequados, textura macia, taninos adequados, corpo médio, equilibrado, com evolução muito boa; retrogosto intenso e excepcional, com boa persistência. Nota 80/16.

4- Foradori DOC Teroldego Rotaliano 2003
Produtor- Foradori – Mezzolombardo – Trento – Itália.
Castas- 100% Teroldego
Enólogo- Elisabetta Foradori
Teor alcoólico- 12,5%
Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho Francês.
Preço- R$ 98,00 - Expand
Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC
Cor grená profundo com reflexos violáceos, brilho médio para intenso, lagrimas bem formadas, lentas e verticais.
Nariz intenso e muito bom com amora, framboesa, groselha, jabuticaba, canela em pau, tostado, tabaco, chocolate em pó, baunilha, torresmo, cabelo queimado e salmoura. Persistente.
Na boca mostrou-se agradável, estilo um pouco rústico, madeira bem pronunciada, com sensações de amora, chocolate amargo, tostado alto, caramelo, notas balsâmicas, tabaco e vegetal verde amargo ( boldo, carqueja ). Álcool e acidez adequados, textura macia, tanico, encorpado, equilibrado, com evolução muito boa; retrogosto intenso e muito bom, com boa persistência. Nota 77/15,5

5- Granato IGT Vignetti Delle Dolomiti Rosso 2003
Produtor- Foradori – Mezzolombardo – Trento – Itália.
Castas- 100% Teroldego
Enólogo- Elisabetta Foradori
Teor alcoólico – 13%
Amadurecimento- 18 meses em barricas de carvalho Francês.
Preço- R$ 278,00 - Expand
Serviço- Decantado por duas hora e servido a 18ºC
Cor rubi/púrpura com reflexos violáceos, brilho intenso, lagrimas abundantes, finas e verticais.
Nariz intenso e muito bom com amora, mirtilo, groselha, compota, jabuticaba caída no chão, rosas murchas, tostado, tabaco, chocolate, baunilha e leve animal.Persistente.
Na boca mostrou-se muito agradável, madeira bem pronunciada, mas agradável, com sensações de amora, jabuticaba verde, madeira tosta alta, chocolate amargo, tabaco. Álcool e acidez adequados, taninos adequados ( bons/agradáveis ), encorpado, equilibrado, com evolução excelente; retrogosto muito intenso e muito bom, com boa persistência. Nota 83/16,5.


6- Istante IGT Vignetti Delle Dolomiti 2001
Produtor- Franz Haas – Montagna – Bolzano – Itália
Castas- 60% Cabernet Sauvignon( vários clones ), 20% Petit Verdot, 5% Cabernet Franc, 5% Merlot e 10% uvas nativas do Alto Adige.
Enólogo- Franz Haas
Teor alcoólico- 13,5%
Amadurecimento- aproximadamente 18 meses em barricas de carvalho
Preço- R$ 164,50 - Decanter
Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC
Cor rubi com reflexos alaranjados, pequeno halo de evolução, brilho intenso, lagrimas medias, bem formadas.
Nariz intenso e excepcional com framboesa, groselha, ameixa, jambo, lavanda, pimenta, pimenta cambuci, caixa de charuto, chocolate, caramelo, pralinê, carvalho, mel, coco queimado e mineral. Persistente.
Na boca mostrou-se muito agradável, madeira bem pronunciada, mas agradável, com sensações de ameixa, groselha, carvalho, cedro, pimenta, chocolate, caramelo. Álcool e acidez adequados, textura macia, tanico ( muito agradáveis ), encorpado, equilibrado, com evolução muito boa; retrogosto intenso e ecpecional, com boa persistência. Nota 83/16,5

7- Ailanpa IGT Vignetti Delle Dolomiti Rosso 1999
Produtor- Foradori – Mezzolombardo – Trento- Itália.
Castas- 100% Syrah
Enólogo- Elisabetta Foradori
Teor alcoólico- 13%
Amadurecimento- 15 meses em barricas de carvalho Francês.
Preço- R$ 206,00- Expand
Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC
Cor granada com reflexos alaranjados, pequeno halo, brilho intenso, lagrimas abundantes, rápidas, finas e verticais.
Nariz intenso e excepcional, complexo, com ameixa, cassis, figo, ameixa seca, uva passa, pimenta, tostado, tabaco, chocolate, caramelo ao leite, baunilha, pelica, notas licorosas e notas balsâmicas. Persistente.
Na boca mostrou-se muito agradável, harmônico, elegante, com sensações de frutas em geléia, tostado, tabaco, chocolate, pimenta, licor de cassis. Álcool e acidez adequados, textura sedosa, taninos adequados ( finos/muito agradáveis ), encorpado, muito equilibrado, com evolução muito boa; retrogosto muito intenso e muito bom, com boa persistência. Nota 86/17.

Depois da degustação foi servido dois tipos de Canerdeli, um em brodo de galinha caipira e outro em brodo de carne.

Saudações
Luiz Otávio
_________________
De vinho em vinho vamos aprendendo um pouquinho.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Ter Out 30, 2007 8:48 pm    Assunto: Responder com Citação

Estas são as minhas impressões da degustação do dia 26/10/2007;

1- Prosecco del Veneto Spumante Extra Dry 2005
Produtor- Salvano – Valle Talloria- Diano d’Alba- Piemonte – Itália.
Castas- 100% Prosecco proveniente da província de Treviso ( Veneto )
Enólogo- Guido Gurletti e Massimo Sobreo.
Teor alcoólico - 11%
Preço- R$ 63,00
Serviço- Servido a 6ºC
Harmonização- Buffet de saladas. Não comprometeu.
Não tirei nota. Prosecco muito agradável.

2- Langhe Chardonnay DOC 2005
Produtor- Salvano –Valle Talloria- Diano d’Alba – Piemonte – Itália.
Castas- Chardonnay
Enólogo- Guido Gurletti e Massimo Sobreo
Teor alcoólico-12,5%
Preço- R$ 61,00
Serviço- Servido a 10ºC
Harmonização- Spaghetti a alho e azeite. Ficou um pouco aquém da untosidade do prato, fez boa contrapartida com sua acidez, mas precisava de um pouco mais de complexidade. Um chardonnay barricado cairia melhor.
Cor amarelo palha com reflexos esverdeados, brilho médio.
Nariz intenso e bom com abacaxi, carambola, vegetal e açúcar. Persistente.
Na boca mostrou-se agradável, fresco, com boa acidez, com sensações de abacaxi, limão e mineral. Álcool levemente quente, acidez acentuada, textura macia, pouco encorpado, médio equilíbrio, evolução muito boa; retrogosto intenso e muito bom, com boa persistência.nota 73/14,5.

3- Roero Arneis DOCG 2005
Produtor- Salvano –Valle Talloria- Diano d’Alba – Piemonte – Itália.
Castas- 100% Arneis
Enólogo- Guido Gurletti e Massimo Sobreo
Teor alcoólico- 13%
Preço- R$ 61,00
Serviço- Servido a 10ºC
Harmonização- Penne a quatro queijo. Perfeita, saindo ambos valorizados.
Cor amarelo palha com reflexos esverdeados, brilho intenso.
Nariz intenso e muito bom, com abacaxi em calda, pêra, laranjinha kin kan, pimenta, chá de folha de batata doce. Persistente.
Na boca mostrou-se agradável, frutado, fresco, com sensações de abacaxi, pimenta, gengibre, especiarias verde e frutas secas ( avelã ). Álcool e acidez adequados, textura macia, pouco encorpado, equilibrado, com evolução muito boa; retrogosto intenso e excepcional, com boa persistência. Nota 78/15,5.

4- Dolcetto D’Alba DOC 2004
Produtor- Fratelli Serio & Battista Borgogno – Barolo – Piemonte – Itália.
Castas- 100% Dolcetto
Enólogo- Serio Borgogno e Marco Bolla
Teor alcoólico- 12,5%
Preço- R$ 61,00
Serviço- Aberto meia hora antes e servido a 16ºC
Harmonização- Rondelli a Primavera.
Não tirei nota.

5- Maestrale Barbera D’Alba DOC 2004
Produtor- Salvano – Valle Talloria – Diano d’Alba– Piemonte – Itália.
Castas- 100% Barbera
Enólogo- Guido Gurletti e Massimo Sobreo
Teor alcoólico - 13,5%
Amadurecimento- 9 meses em barricas de carvalho Francês ( Allier )
Preço- R$ 90,00
Serviço- Decantado por meia hora e servido a 16ºC
Harmonização- Canelloni ao sugo. Harmonizou, mas o vinho agüentava um prato mais complexo.
Cor rubi claro, pequeno halo de evolução, brilho médio para intenso, lagrimas bem formadas, longas, finas e verticais.
Nariz intenso e muito bom, com cereja, framboesa, frutas secas, noz moscada, pimenta, menta, tostado, café, chocolate e madeira. Persistente.
Na boca mostrou-se muito agradável, frutado, fresco e elegante, com sensações de amora, framboesa, cereja, chocolate, pimenta, menta e cravo da índia. Álcool e acidez adequados, textura sedosa, taninos adequados ( muito agradáveis ), corpo médio, muito equilibrado, com evolução muito boa; retrogosto intenso e excepcional, com boa persistência. Nota 82/16,5.

6- Chianti Clássico DOCG 2002.
Produtor- Vecchie Terre di Montefili- Greve in Chianti- Toscana- Itália.
Castas- 100% Sangiovese
Enólogo- Paglione Tommaso- Supervisão de Vittorio Fiore
Teor alcoólico- 13,5%
Amadurecimento- 12 meses em tonéis de carvalho da Eslovênia. 6 meses em garrafa.
Preço- R$ 108,00
Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC
Harmonização- Lazanha presunto e queijo. Harmonizou muito bem, mas também agüentava um prato mais complexo.
Cor rubi com reflexos alaranjados, brilho intenso, lagrimas bem formadas, medias e verticais.
Nariz intenso e muito bom com cereja, framboesa, noz moscada, leve pimenta, empireumáticos, madeira e notas licorosas. Persistente.
Na boca mostrou-se muito agradável, viril, complexo, com sensações de frutas vermelhas, notas licorosas, madeira, pimenta e noz moscada. Álcool e acidez adequadas, textura macia, tanico ( finos/muito agradáveis ), encorpado, muito equilibrado, com evolução muito boa; retrogosto muito intenso e excepcional, com ótima persistência. Nota 85/17.

7- Anfiteatro Colle della Toscana Centrale IGT 2000.
Produtor- Vecchie Terre di Montefili- Greve in Chianti- Toscana- Itália.
Castas- 100% Sangiovese
Enólogo- Paglione Tommaso- Supervisão de Vittorio Fiore
Teor alcoólico- 13,5%
Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho ( 350 lts ).12 meses em garrafa.
Preço- R$ 218,00
Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC
Harmonização- Gnochi a Bolognesa . O vinho sobrepujou o prato. Um Fetuccinni com iscas de filet mignon ao molho de funghi porcini ficaria perfeito.
Cor rubi com reflexos alaranjados, brilho intenso, lagrimas bem formadas, medias, lentas e verticais.
Nariz intenso e muito bom com cereja, groselha, especiarias, pelica, tabaco, chocolate e baunilha. Muito persistente.
Na boca mostrou-se muito agradável, elegante, harmônico, sutil, com taninos exuberantes e sensações de frutas vermelhas maduras, tostado, pimenta e chocolate. Álcool e acidez adequados, textura sedosa, tanico ( finos/muito agradáveis ), encorpado, muito equilibrado, com evolução excelente; retrogosto muito intenso e excepcional, com ótima persistência. Nota 87/17,5

8- Terre Del Pelacane Colli Della Toscana Centrale Rosso IGT 2004.
Produtor- Fattoria I Veroni – Pontassieve- Florência – Toscana- Itália.
Castas- 50% Merlot e 50% Petit Verdot
Enólogo- Emilio Monechi
Teor alcoólico- 13,5%
Amadurecimento- 12 meses em tonéis ( 500 l ) de carvalho Francês.
Preço- R$ 92,00
Serviço- Decantado por uma hora e servido a 16ºC
Harmonização- Fetuccinni a putanesca . Não harmonizou, o putanesca estava muito desfigurado e acanhado, sem aliche . Na minha opinião com este vinho uma massa a rabiata ficaria perfeito, fogo contra fogo.
Cor castanho escuro, brilho intenso, lagrimas abundantes, rápidas, finas e verticais.
Nariz intenso e muito bom amora, framboesa, jabuticaba, pitanga, floral, cominho, pimenta do reino preta, vegetal, carne, tostado, café e leve baunilha. Persistente.
Na boca mostrou-se muito agradável, potente, frutado, tanico, com sensações de frutas vermelhas maduras, pitanga e jabuticaba verdolengas, romã, caramelo, baunilha, pimenta do reino e café. Álcool e acidez adequados, textura macia, tanico 9 bons/agradáveis ), encorpado, equilibrado, com evolução muito boa; retrogosto muito intenso e muito bom, com ótima persistência. Nota 82/16,5.


Obs- Eu fiz esta harmonização em cima do rodízio de massas do restaurante, poderia ter optado por vinhos mais simples, que teriam uma equilíbrio de harmonização melhor, mas ai não teria apelo dos vinhos de qualidade para adesão ( aqui infelizmente é assim ), pelo que conto com as suas compreensão.

Saudações
Luiz Otávio
_________________
De vinho em vinho vamos aprendendo um pouquinho.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Ter Abr 08, 2008 1:21 am    Assunto: Responder com Citação

Na tentativa de aprofundar um pouco mais, o conhecimento nos vinhos Italianos, no dia 17/04/2008 estarei fazendo a primeira degustação da série DOCGs Italianas, começando com a região que possue o maior numero delas: o Piemonte ( 9 ).


Degustação de Vinhos Italianos
DOCGs do PIEMONTE
LOCAL: TRATORIA DI PIERO
RUA D.EUGÊNIA Nº 2239 Piracicaba SP
FONE: (019 ) 34335451 Luiz- 34241583
DIA: 17/04/2008 HORÁRIO: 20:00 hs

VINHOS APRESENTADOS:

1- Livio Pavese Brachetto D’Acqui DOCG 2000
2- Luigi Coppo Gavi La Roca DOCG 2005
3- Salvano Roero Arneis DOCG 2005
4- M.Abbona D.Dogliani Sup.Papà Celso DOCG 2006
5- Antoniolo Gattinara San Francesco DOCG 2001
6- S.Borgogno Barbaresco Riserva DOCG 2000
7- S.Borgogno Barolo Cannubi Riserva DOCG 1999
8- Dessilani Ghemme Riserva DOCG 1997
9- Salvano Moscato D’Asti DOCG 2005
Após a degustação será servido:
Polpetone ao molho de Funghi Porcini

Saudações,
Luiz Otávio
_________________
De vinho em vinho vamos aprendendo um pouquinho.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Seg Mai 12, 2008 4:22 pm    Assunto: Responder com Citação

Dando prosseguimento nas DOCGs farei este painel:
DEGUSTAÇÃO DE VINHOS ITALIANOS

DOCGs da TOSCANA

Importadoras La Casa di Bacco e Vinci



LOCAL: ENOPIRA

Rua Mamede Freire nº 79 Piracicaba SP
Fone: (019) 34241583- 82040406
DIA: 21/05/2008 HORÁRIO: 20:00 hs


VINHOS APRESENTADOS



1- Piccini Vernaccia di San Giminiano 2006

2- I Veroni Chianti Rufina 2003

3- V.T.de Montefili Chianti Clássico 2002

4- Ambra Carmignano Ris.Vigne Alta Montabiolo 2000

5- Le Pupille Morelino di Scansano Poggio Valente 2000

6- Dei Vino Nobile di Montepuciano 2001

7- Podere Brizio Brunello di Montalcino 2000

************************************************

Após a degustação será servido: Tagliatelle paglia e fieno com gorgonzola

Saudações,
Luiz Otávio
_________________
De vinho em vinho vamos aprendendo um pouquinho.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Qui Jun 05, 2008 11:14 pm    Assunto: Responder com Citação

Não tirei notas de prova desta degustação, pois alguns vinhos já tinha provado e colocado as notas

1- Vernaccia di San Giminiano DOCG 2006.
Produtor- Piccini srl – Piazzole- Castellina in Chianti – Siena - Toscana – Itália.
Castas- 100%Vernaccia
Enólogo-
Teor alcoólico- 12%
Preço- R$ 40,00- Vinci
Serviço- Servido a 10ºC
Vernaccia típico, bem fresco e um leve amargor final.

2- Chianti Rufina DOCG 2003
Produtor- Fattoria I Veroni – Pontassieve – Florência – Toscana – Itália.
Castas- Sangiovese
Enólogo- Emilio Monechi
Teor alcoólico - 13%
Amadurecimento-12/14 meses em tonéis ( 2000 l ) de carvalho Eslovenos ( 90%) e 10% em pipas de carvalho Francês (500 lts). 4-6 meses em garrafa.
Preço- R$ 58,00- La Casa di Bacco
Serviço- Aberto meia hora antes e servido a 18ºC
Continua um ótimo custo/beneficio.

3- Carmignano Riserva Lê Vigne Alte Montabiolo DOCG 2001
Produtor- Az.Agr.Ambra – Carmignano – Pistoia – Toscana – Itália.
Castas- 75% Sangiovese, 10% Canaiolo Nero, 10% Cabernet Sauvignon e 5% Merlot.
Enólogo- Giuseppe Rigoli
Teor alcoólico- 13,5%
Amadurecimento- 12 meses em tonéis de 3,5/5 Hl e 12 meses em barricas de carvalho.
Preço- R$ 90,00 - Vinci
Serviço- Decantado por meia hora e servido a 18ºC
Esperava mais deste vinho, a madeira está pronunciada.

4- Chianti Clássico DOCG 2002
Produtor- Vecchie Terre di Montefili- Greve in Chianti- Toscana- Itália.
Castas- 100% Sangiovese
Enólogo- Paglione Tommaso- Supervisão de Vittorio Fiore
Teor alcoólico- 13,5%
Amadurecimento- 12 meses em tonéis de carvalho da Eslovênia. 6 meses em garrafa.
Preço- R$ 94,00 – La Casa di Bacco
Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC
Continua um excelente Chianti, não lembro das minhas impressões anteriores dele, mas desta vez apareceu bastante goiabada cascão.

5- Morellino di Scansano Poggio Valente DOCG 2000
Produtor- Fattoria Lê Pupille – Piagge Del Maiano- Grosseto – Toscana - Itália.
Castas- Sangiovese e pequena % de Alicante ( uva Spagna, Canonnau, Garnacha ).
Enólogo- Elisabetta Geppetti, com consultoria de Christian Lê Sommer
Teor alcoólico – 13,5%
Amadurecimento- 15 meses em barricas de carvalho ( 40% nova e 60% segundo uso )
Preço- R$ 110,00- Vinci
Serviço- Decantado por meia hora e servido a 18ºC
Excelente vinho, muito elegante.

6- Vino Nobile di Montepuciano DOCG 2001
Produtor- Az.Agr.Dei – Montepulciano –Siena - Toscana – Itália.
Castas- 80% Prugnolo Gentile, 15% Canaiolo Nero e 5% Mammolo
Enólogo- Nicolò D’Afflitto
Teor alcoólico- 13%
Amadurecimento- 24 meses em tonéis de carvalho esloveno de 33 Hl.
Preço- R$ 110,00 - Vinci
Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC
Vinho de perfil mais frutado e viril, muito persistente.

7- Brunello di Montalcino DOCG 2000
Produtor- Podere Brizio ( Roberto Bellini e Patrícia Mazzi )- Montalcino – Siena – Toscana- Itália.
Castas- 100% Brunello ( Sangiovese )
Enólogo- Vittorio Fiore.
Teor alcoólico – 14%
Amadurecimento- 6 meses em barricas( 300 lts ) de carvalho Francês Allier, depois fica 24 meses em tonel ( 3600 lts ) de carvalho e 12 meses em garrafa.
Preço- R$ 185,00 – La Casa di Bacco
Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC
Bom Brunello, mas para mim o 1999 é superior.

Depois da degustação foi servido um Tagliatelle paglia e fieno com molho de gorgonzola, funghi porcini e presunto de Parma, aonde o Chianti Clássico, o Morellino e o Brunello mais harmonizaram.

Saudações,
Luiz Otávio
_________________
De vinho em vinho vamos aprendendo um pouquinho.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Qui Mar 11, 2010 7:37 pm    Assunto: Responder com Citação

Degustação de vinhos Italianos- Puglia e Calabria.
ENOPIRA- 09/03/2010 20:00h
Vinhos apresentados:

1- Pinot Grigio Tarantino IGT 2008
Produtor- Cantine Paolo Leo- San Donaci- Brindisi- Puglia- Itália
Castas- 100% Pinot Grigio
Teor alcoólico- 12,5%
Preço- R$ 62,00
Serviço- Servido a 8º C
Bom vinho, acidez correta, aromas discretos de folha de bananeira, uvaia e clara de ovo com açúcar ( suspiro )

2- Primitivo Salento IGT 2007
Produtor- Cantine Paolo Leo- San Donaci- Brindisi- Puglia- Itália
Castas- 100% Primitivo
Teor alcoólico- 13,5%
Preço- R$ 62,00
Serviço- Servido a 15º C
Vinho mediano, com frutas meio verde, sorvete de uva, leve amargor ( carqueja )

3- Negroamaro Salento IGT 2008
Produtor- Cantine Paolo Leo- San Donaci- Brindisi- Puglia- Itália
Castas- 100% Negroamaro
Teor alcoólico- 13%
Preço- R$ 62,00
Serviço- Servido a 15º C
Bom vinho, já com tipicidade, leve floral ( sabonete tipo Gessy ), frutas vermelhas, leve amargor ( agradável ).

4- Aglianico Puglia IGT 2006
Produtor- Cantine Paolo Leo- San Donaci- Brindisi- Puglia- Itália
Castas- 100% Aglianico
Teor alcoólico- 14%
Amadurecimento- 6 meses em aço inox e 3 meses em barricas de carvalho
Preço- R$ 99,00
Serviço- Servido a 16º C
Bom vinho, agradável, com vegetal seco, bicarbonato, leve papelão?, bananada, frutas maduras.

5- Orfeo Negroamaro Puglia IGT 2006
Produtor- Cantine Paolo Leo- San Donaci- Brindisi- Puglia- Itália
Castas- Negroamaro
Teor alcoólico- 14,5%
Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho.
Preço- R$ 140,00
Serviço- Decantado por uma hora e servido a 16º C
Muito bom vinho, num estilo mais moderno, com noz-moscada, madeira, frutas vermelhas maduras, leve caramelo, amargor agradável (chocolate amargo), frutas em licor.

6- Fiore di Vigna Primitivo Salento IGT 2006
Produtor- Cantine Paolo Leo- San Donaci- Brindisi- Puglia- Itália
Castas- 100% Primitivo
Teor alcoólico- 14,5%
Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho e 6 meses em garrafa.
Preço- R$ 172,00
Serviço- Decantado por uma hora e servido a 16º C
Muito bom vinho, típico, lembrando os Primitivo da Manduria, mas num perfil mais moderno, com frutas em geléia, leve baunilha, leve chocolate, caramelo e torrone.
Redondo na boca, com um retrogosto levemente adocicado.

7- Salice Salentino Riserva DOC 2002
Produtor- Cantine Paolo Leo- San Donaci- Brindisi- Puglia- Itália
Castas- Negroamaro e Malvasia Negra di Lecce ( Max.20% )
Teor alcoólico- 13,5%
Amadurecimento- 24meses, sendo 06 meses em tonéis de carvalho.
Preço- R$ 114,00
Serviço- Aberto uma hora antes e servido a 16º C
Ótimo vinho, típico, com uma rusticidade discreta e elegante.

8- Balbium Rosso Calabria IGT 2006
Produtor- Terre de Balbia-Altomonte- Calabria- Itália
Castas- Gaglioppo e Magliocco Canino
Teor alcoólico- 14,5%
Amadurecimento- 10 a 12 meses em toneis de carvalho esloveno.
Preço- R$ 116,00
Serviço- Aberto uma hora antes e servido a 16º C
Bom vinho, típico, lembrando os Ciró, com certa rusticidade, as frutas em licor, notas de pizarra e pimenta calabreza.


Com o Penne alla Pugliese (com molho de tomate e não o com brócolis), o vinho que melhor harmonizou foi o Salice Salentino.

Saudações,
Luiz Otávio
_________________
De vinho em vinho vamos aprendendo um pouquinho.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Sex Out 07, 2011 10:59 pm    Assunto: Nebbiolos Responder com Citação

Degustação de Nebbiolo- DOCG

Enopira- 06/10/2011

Vinhos apresentados:

1- Dessilani Ghemme DOCG 2003

Produtor- Dessilani Luigi e Figlio- Fara Novarese- Novara- Piemonte- Itália.

Castas- 90% Nebbiolo (Spanna), 5% Vespolina e 5% Uva Rara (Bonarda Novarese).

Teor alcoólico- 13,5%

Amadurecimento- 18 meses em Botti grande de carvalho francês e da Slavonia.

Preço- R$ 120,00

Serviço- Aberto uma hora antes e servido a 18ºC

Bom vinho, mas já no limite e em minha opinião em declínio.

Muita borra e em processo de formação da mesma muito rápido quando aberto.

Leve balsâmico e algo arestado. Já teve melhores dias. Nota 88

2- Dessilani Gattinara DOCG 2003

Produtor- Dessilani Luigi e Figlio- Fara Novarese- Novara- Piemonte- Itália.

Castas- 100% Nebbiolo

Teor alcoólico- 13,5%

Amadurecimento- 24 meses em Botti grande de carvalho francês e da Slavonia.

Preço- R$ 120,00

Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC

Muito bom vinho, viril, amadeirado, levemente rústico, agüenta mais uns 5 anos. Nota 90

3- Piero Busso Barbaresco Mondino DOCG 2007

Produtor- Piero Busso- Neive- Cuneo- Piemonte- Itália.

Castas- Nebbiolo do vigneto Mondino

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 18 meses em Botti grande de carvalho

Preço- R$ 190,00

Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC

Excelente barbaresco, um dos melhores que provei, muito elegante, sutil, groselhas deliciosas. Nota 94

4- Piero Busso Barbaresco San Stunet DOCG 2006

Produtor- Piero Busso- Neive- Cuneo- Piemonte- Itália.

Castas- Nebbiolo de vigneto San Stefanetto

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 18 meses (70% em Botti grande de carvalho e 30% em barricas)

Preço- R$ 290,00

Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC

Excelente barbaresco, mais fechado, viril, complexo. Nota 93

Várias pessoas gostaram mais dele que do Mondino.

5- Cascina Ballarin Barolo Tre Cìabot DOCG 2005

Produtor- Cascina Ballarin- La Morra- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas- Nebbiolo de vigneto em La Morra.

Teor alcoólico- 14%

Amadurecimento- 24 meses em Botti de carvalho Slavonia; toneis e barricas de carvalho Francês.

Preço- R$ 186,00

Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC

Muito bom Barolo, num estilo mais moderno, bom custo/beneficio. Nota 92

6- Cascina Ballarin Barolo Bricco Rocca DOCG 2005

Produtor- Cascina Ballarin- La Morra- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas- Nebbiolo de vigneto em La Morra.

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 24 meses em Botti (10 e 20 hl) de carvalho Slavonia

Preço- R$ 332,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Muito bom, viril, complexo, num estilo mais tradicional. Nota 93

7- Gaja Sperss Langhe DOC 2005

Produtor- Gaja- Barbaresco- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas- 94% Nebbiolo e 6% Barbera

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 12 meses em barricas de carvalho francês e 12 meses em Botti.

Preço- R$ 1.050,00

Serviço- Decantado por três horas e servido a 18ºC

Este vinho não é classificado como DOCG Barolo, visto que o Gaja não abre mão de um pouco de Barbera para ajudar na acidez do vinho, o que não é permitido pelas regras da DOCG.

Mas para fazer uma brincadeira, abri este vinho e mostrei a garrafa como se fosse o vinho que fiz o Brasato, visto que tinha colocado Brasato ao Langhe Nebbiolo e não Brasato ao Barolo (na verdade usei o Cascina Balarin Langhe Nebbiolo 2007).

O vinho:

Muito fechado ao ser aberto, um pouco rústico, teve uma evolução fantástica no decanter, e se o Bussia estava bem melhor que ele no inicio, com o tempo foi melhorando e ficou como o melhor dos Barolos, para 11 dos 12 participantes. Eu fui o único a votar no Bussia, talvez mais por teimoso, já que tinha gostado mais dele no inicio e quase até o final da noite; mas devo confessar, no final da taça, já no outro dia, o Gaja estava melhor.

Grande vinho. Nota 95

8- Cascina Ballarin Barolo Bussia DOCG 2005

Produtor- Cascina Ballarin- La Morra- Cuneo- Piemonte- Itália

Castas- Nebbiolo de vigneto Bussia de Monforte D'Alba

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 24 meses em barricas de carvalho francês.

Preço- R$ 332,00

Serviço- Decantado por duas horas e servido a 18ºC

Excelente vinho, elegante, harmônico, muitíssimo equilibrado, madeira muito bem colcoda, talvez num estilo mais moderno, gostei muito. Nota 95

9- Rainoldi Sfursat di Valtellina DOCG 2007

Produtor- Aldo Rainoldi- Chiuro- Sondrio- Lombardia- Itália

Castas- 100% Chiavennasca (Nebbiolo)

Teor alcoólico- 14,5%

Amadurecimento- 18 meses em tonel de carvalho e 12 meses em garrafa.

Preço- R$ 190,00

Serviço- Decantado por uma hora e servido a 18ºC

Muito bom vinho, complexo, nebbiolo passificada por 3 meses, mas não deixando açúcar residual aparente.

Acredito que este vinho harmoniza muito bem com chocolate amargo e carne com molho de queijo azul. Nota 92

Obs- notas na escala 50/100.

Para comer, alem do Brasato ao Langhe Nebbiolo, fiz polenta com azeite tartufado, com cobertura de shitake e funghi porcini; escarola refogada e arroz branco.

Ficou a vontade de fazer um painel, as cegas, com Bourgogne, Barbaresco/Barolo e grandes vinhos de Baga, quem sabe um Ribeirinho pé franco, ou mesmo um LP 1988.

Abs,

Luiz Otávio
_________________
De vinho em vinho vamos aprendendo um pouquinho.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo Tópico   Responder Mensagem    NovaCrítica-vinho.com - Índice do Fórum -> Vinho Todos os horários são GMT + 1 Hora
Ir à página Anterior  1, 2, 3, 4
Página 4 de 4

 
Ir para:  
Enviar Mensagens Novas: Proibido.
Responder Tópicos Proibido
Editar Mensagens: Proibido.
Excluir Mensagens: Proibido.
Votar em Enquetes: Proibido.


Powered by phpBB © 2001, 2005 phpBB Group
Traduzido por: Suporte phpBB