NovaCrítica-vinho.com - Índice do Fórum NovaCrítica-vinho.com
Forum de Discussão
 
 FAQFAQ   PesquisarPesquisar   MembrosMembros   GruposGrupos   RegistrarRegistrar 
 PerfilPerfil   Entrar e ver Mensagens ParticularesEntrar e ver Mensagens Particulares   EntrarEntrar 

degustação de vinhos italianos
Ir à página 1, 2, 3, 4  Próximo
 
Novo Tópico   Responder Mensagem    NovaCrítica-vinho.com - Índice do Fórum -> Vinho
Exibir mensagem anterior :: Exibir próxima mensagem  
Autor Mensagem
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Sáb Jul 23, 2005 10:06 pm    Assunto: degustação de vinhos italianos Responder com Citação

Agora é nisso que vou me meter, fazer uma degustação de vinhos italianos de referencia, aonde pretendo conhecer alguns icones italianos, sendo eles os:
- Brunellos de Montalcinos
- Super toscanos
- Barbarescos
- Barolos
- Amarone de Valpolicella
Vamos ver o que vai dar? Question
Estou em duvida quanto a sequencia dos vinhos, aceitaria com imenso prazer sugestões?
Pretendo servir depois da degustação um parpadelle ao coniglio no amarone.
abraços
luiz otavio
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
paulo



Registrado: Quinta-Feira, 12 de Junho de 2003
Mensagens: 299
Localização: Matosinhos

MensagemEnviada: Sex Jul 29, 2005 12:36 am    Assunto: Responder com Citação

Caro Luis
Eu conheço relativamente bem os vinhos italianos e especialmente desses que refere, conheço alguns bem representativos do melhor que se pode provar.

Deu-me um arrepio na espinha ao ler o seu post, na verdade, provar esses vinhos todos de uma só vez seria uma obra de arte …. Very Happy
Os vinhos em causa são, normalmente, grandes vinhos em todos os aspectos desde a qualidade até a sua “potencia” e pensar, por exemplo, que acabaria a prova naturalmente com o Amarone (teria que ser o ultimo) ainda por cima com comida eu acho que o seu coração e dos seus compinchas deverá estar a 100% senão não vão aguentar …. Shocked Confused

Posso estar enganado no que estou a dizer mas o que eu faria seria provar os Piemonteses separados dos Toscanos e o Amarone do Veneto, muito bem, com comida numa terceira ocasião.
Algo me diz que são vinhos incompatíveis para prova assim todos ao “molhe”, obviamente não é impossível mas estaria a perder algum fascínio, estes vinhos são suficientemente bons e com personalidade tão forte que merecem provas separadas, cada uma com o seu jantar. Smile

Desculpe se vou ser brejeiro mas na “eventualidade” … o Luis preferiria estar uma noite com 10 grandes mulheres ou 10 noites, cada uma, com uma grande mulher ? Rolling Eyes Rolling Eyes Rolling Eyes


Quanto ao Amarone que pertence à DOCG da Valpolicella eu salientaria primeiro que este vinho das colinas de Verona é feito com uvas ligeiramente passadas ou seja a colheita é feita tardiamente o que faz do Amarone um vinho muito particular que nem sempre se gosta à primeira experiência.
Normalmente este vinho é muito forte estruturalmente com elevada carga de fruta, muito corpo, muito austero, poderá ser muito seco, tudo é “muito” …. neste grande vinho. Smile

A ligação à comida é muito interessante porque é como fazer uma bomba atómica, Confused uma comida ligeira nem teria sabor com o Amarone por perto e um prato como o que sugere "aparentemente" é uma boa ligação mas tem o risco de ser pesadíssimo.Confused
Tendo o vinho muito corpo obviamente a repasto deverá ser também intenso, sendo o vinho muito aromático será interessante que o prato tenha muito aroma, podendo o vinho ser muito seco terá que moderar os temperos (numa versão de Amarone mais doce este ponto é menos importante) e ainda este vinho tem muito álcool o que lhe dá aquele espectáculo de ver o vinho a escorrer lentamente em arcos espessos pelas paredes do copo e tem a vantagem de ajudar a equilibrar a gordura uma vez que não temos a ajuda da uma acentuada acidez para esse efeito.
Caro Luis prepare-se para uma refeição “daquelas” …. com um soninho a cair nos olhos logo de seguida. Embarassed Cool
Curiosamente as pappardelle com lebre são um prato típico da Toscana e têm como óptimo acompanhamento exactamente o Brunello que vai ter aí consigo.
Wink
_________________
Paulo Espirito Santo
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail Visitar a homepage do Usuário
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Sex Jul 29, 2005 3:18 pm    Assunto: Responder com Citação

Caro Paulo,
Obrigado por responder meu post e mais ainda pelas considerações.
concordo que seria mais concebivel experimentar cada um desses vinhos separadamente, mas o que pretendo é que o impacto seja realmente grande, espero conseguir guiar a contento essa prova.
Pretendo começar com o barbaresco ( ainda não o tenho em mão), depois o brunello de montalcino( Camigliano 1999, um brunello basico), depois o Acciaolo 1998(Zonin), depois o Tignanello 2000 (Antinori), depois o Barolo Livio Pavesi 1998, e por fim o Amarone (ainda não o tenho a mão).
Como é somente uma garrafa de cada e seram 15 pessoas caberá somente 50 ml para cada uma.
Desta vez não pretendo usar copo iso, e sim riedel ou strauss(brasileiro, mas bom).
Sei que não é o correto,mas servirei presunto de parma e parmesão durante a degustação.
depois da degustação servirei o parpadelle ao coniglio marinado e cozido no reciotto de valpolicella e finalizado o molho no amarone giuseppe campagnola 2000.
para beber terei um San'timo2000 ( Camigliano), um Poderruchio ( Camigliano), dois rosso de montalcino 2002 Camigliano, um
Torresole 1998( chianti), e um Vila Verne 2001(chianti).
Será uma noite com 12 mulheres, mas só poderá ficar 10 minutos com cada. Rolling Eyes Very Happy , se apreciar sobremaneira alguma podera leva-la para casa, mas o custo sempre é mais alto. Smile
Pretendo decantar todos os vinhos da degustação por uma hora. É correto?, suficiente talvez para o Tignanello que é mais novo?
Se tiver alguma consideração a fazer, ou alguma outra dica ficaria muito grato.
um abraço
luiz otavio
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
paulo



Registrado: Quinta-Feira, 12 de Junho de 2003
Mensagens: 299
Localização: Matosinhos

MensagemEnviada: Sex Jul 29, 2005 5:44 pm    Assunto: Responder com Citação

Luiz, tanto se pode fazer em 10 minutos …. importante é ter jeito! Very Happy Very Happy

Quanto à prova, eu colocaria o Tignanello 2000 (ano ligeiro para este vinho) em segundo lugar e punha em seu lugar o Brunello Camigliano 1999.

Quanto ao prato …. Hummmmmm já me passa o cheiro pelo nariz ….. o luiz não encontra lebre em vez de coelho? Seria bem mais interessante.

Quanto aos vinhos que vão acompanhar a refeição são adequados numa perspectiva de provar vinhos senão eu escolheria sem dúvidas de espécie alguma apenas o Brunello.
O Rosso de Montalcino é um vinho bem abaixo dos outros pelo que o colocaria logo no inicio.
Os vinhos italianos, especialmente com castas sangiovese e nebbiolo correm sempre o risco de, de um ano para o outro ficarem “mais para lá do que para cá”, de repente ficam castanho clarinho e oliváceos o que pode, no seu caso, acontecer com o Torresolo 98 Confused (espero que não esteja assim).

Luiz desejo-lhe uma prova de sonho e fico à espera de notícias desse grande momento. Wink Wink
_________________
Paulo Espirito Santo
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail Visitar a homepage do Usuário
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Sex Jul 29, 2005 6:44 pm    Assunto: Responder com Citação

Paulo, na verdade irei usar lebre, é que o nome ficou coelho.
mais uma vez obrigado pelas sugestões.
um abraço
luiz otavio
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Sáb Jul 30, 2005 9:49 pm    Assunto: Responder com Citação

Paulo,
você conheçe o Roccato IGT 1999 da Rocca delle Macie?
e o Brunello di Montalcino DOCG riserva 83 Biondi Santi vale 1.000 euros?
luiz otavio
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
paulo



Registrado: Quinta-Feira, 12 de Junho de 2003
Mensagens: 299
Localização: Matosinhos

MensagemEnviada: Dom Jul 31, 2005 1:08 am    Assunto: Responder com Citação

Caro Luiz, eu provei esse vinho Chianti uma vez numa visita que fiz à feira de vinhos Vinitaly mas para falar a verdade não me lembro do vinho. Confused
Sei ainda que a empresa Rocca delle Macie detém um agroturismo muito bonito e famoso lá na Toscana e que o vinho vem bem pontuado na revista italiana Gambero Rosso. Wink

Quanto ao grande Brunello Biondi Santi veja só estas informações ... Shocked Shocked Shocked
Compare o valor inicial do vinho, o valor reavaliado e o valor a que pde chegar em leilão ......
O vinho do ano 1955 foi considerado um dos melhores do seculo no mundo !!!!!!!!!!!

Il ritratto - Biondi Santi, la dinastia del vino da Montalcino a Montepò
“Coniugare la tradizione con le nuove esigenze del mercato”: è questa la filosofia di Jacopo Biondi Santi, alla guida di un insieme di aziende: Tenuta Il Greppo (22 ettari vitati), griffe storica del Brunello di Montalcino e del vino italiano di grande prestigio; Villa Poggio Salvi (38 ettari), dagli anni Ottanta proprietà di Francesca Tagliabue, moglie di Jacopo Biondi Santi; Castello di Montepò a Scansano (60 ettari), una delle tenute più affascinanti della Toscana, di proprietà di Jacopo e Francesca Biondi Santi, che l’hanno acquistata nel 1997 dalla famiglia dello scrittore inglese Graham Greene. La Biondi Santi Spa (giro d’affari 2002: 8,5 milioni di euro) ha oggi a listino 36 referenze, frutto del lavoro delle tre aziende, ognuna con una propria filosofia e marchio commerciale. La produzione totale è di 500.000 bottiglie all’anno, di cui il 45% è destinato all’export: i principali mercati di riferimento sono Stati Uniti, Giappone, Germania, Svizzera, Brasile e Canada. Dal 2002 la Biondi Santi è nella selezionata rosa di aziende di Altagamma, associazione nata nel 1992 che riunisce le più belle griffes del “made in Italy”: Ferrari, Gucci, Ferragamo, Versace, Etro, Fendi, Ferrè, Valentino, Tod’s, Bulgari. Grandi imprese appartenenti al settore della moda, del design e dei motori, unite con l’obiettivo di contribuire alla valorizzazione dei beni e dei marchi del nostro Paese, cui si affianca con assoluta proprietà il grande vino rappresentato da Biondi Santi.

Quotazione & rivalutazioni delle Riserve
(analisi a cura dello Studio commerciale
dott. Paolo Fabbrini - Montalcino)

Brunello di Montalcino Biondi Santi Riserva 1990
Anno commercializzazione, 1996
Valore iniziale, 103,30
Valore rivalutato Istat, 117,24
Valore mercato, 860,00
Rendimento mercato, 832,53%
Valore aste, -
Rendimento aste, 0,00%

Brunello di Montalcino Biondi Santi Riserva 1975
Anno commercializzazione, 1981
Valore iniziale, 28,00
Valore rivalutato Istat, 89,46
Valore mercato, 675,00
Rendimento mercato, 2.410,71%
Valore aste, -
Rendimento aste, 0,00%

Brunello di Montalcino Biondi Santi Riserva 1955
Anno commercializzazione, 1961
Valore iniziale, 0,78
Valore rivalutato Istat, 15,60
Valore mercato, 4.300,00 Rolling Eyes Rolling Eyes Rolling Eyes
Rendimento mercato, 551.282,05%
Valore aste, 1.107,00
Rendimento aste, 141.923,08%

Brunello di Montalcino Biondi Santi Riserva 1945
Anno commercializzazione, 1951
Valore iniziale, 1,78
Valore rivalutato Istat, 47,11
Valore mercato, 4.700,00 Rolling Eyes Rolling Eyes Rolling Eyes
Rendimento mercato, 264.044,94
Valore aste, 1.515,00
Rendimento aste, 85.112,36%

Brunello di Montalcino Biondi Santi Riserva 1891
Anno commercializzazione, *
Valore iniziale, 25,00
Valore rivalutato Istat, 392,87
Valore mercato, -
Rendimento mercato, 0,00%
Valore aste, 15.235,48 Shocked
Rendimento aste, 60.941,91%

Brunello di Montalcino Biondi Santi Riserva 1888
Anno commercializzazione, *
Valore iniziale, 25,00
Valore rivalutato Istat, 392,87
Valore mercato, -
Rendimento mercato, 0,00%
Valore aste, 20.658,28 Shocked
Rendimento aste, 82.633,10%

Legenda
1. Il valore iniziale è il prezzo di vendita al dettaglio nell’anno di commercializzazione (che nelle Riserve Biondi Santi avviene dopo sei anni dalla vendemmia)

2. Il valore rivalutato è il valore determinato in base agli indici nazionali dei prezzi al consumo per le famiglie (ISTAT)
3. Il valore di mercato è il prezzo di vendita al consumatore della Tenuta Il Greppo dal 1 gennaio 2003

4. Il rendimento di mercato è la percentuale di rendimento tra il valore iniziale e il valore al 1 gennaio 2003

5. Il valore nelle aste è il prezzo di vendita determinato nelle aste specializzate che si sono tenute: nel 2002 (Riserva 1955 e Riserva 1945), nel 2001 (Riserva 1891) e nel 1988 (Riserva 1888)

6. Il rendimento nelle aste è il rapporto tra il valore nelle aste e il valore iniziale

* per la Riserva 1891 e per la Riserva 1888, i valori della tabella sono stati calcolati a partire dall’anno 1966
_________________
Paulo Espirito Santo
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail Visitar a homepage do Usuário
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Seg Ago 01, 2005 5:17 pm    Assunto: Responder com Citação

Caro Paulo,
obrigado pelas explicações.
um abraço
luiz otávio
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Ter Ago 09, 2005 1:15 am    Assunto: Responder com Citação

Já tenho os vinhos e pretendo degusta-los nessa ordem:
-Tignanello 2000
-Acciaiolo 1998
-Brunello de Montalcino Camigliano 1999
-Barbaresco Livio Pavesi 2001
-Barolo Livio Pavesi 1998
-Amarone della Valpolicella Bertani 1995.
Para beber
-Poderuchio 2001
-Rosso de Montalcino Camigliano 2002
-Terrasole Reserva 1998
-Vila verne Reserva 2001
-Morellino di Scansano La Mora Cecchi 2003
Luiz otávio
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
paulo



Registrado: Quinta-Feira, 12 de Junho de 2003
Mensagens: 299
Localização: Matosinhos

MensagemEnviada: Ter Ago 09, 2005 9:24 am    Assunto: Responder com Citação

Aproxima-se então o grande dia! Laughing
Espero que a Lebre já esteja a marinar…..
Depois conte à gente como foi. Very Happy
Abraço
Paulo
_________________
Paulo Espirito Santo
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail Visitar a homepage do Usuário
falcao



Registrado: Quinta-Feira, 17 de Outubro de 2002
Mensagens: 5553
Localização: Lisboa

MensagemEnviada: Ter Ago 09, 2005 12:45 pm    Assunto: Responder com Citação

luiz otávio peçanha escreveu:
Já tenho os vinhos e pretendo degusta-los nessa ordem:
-Tignanello 2000
-Acciaiolo 1998
-Brunello de Montalcino Camigliano 1999
-Barbaresco Livio Pavesi 2001
-Barolo Livio Pavesi 1998
-Amarone della Valpolicella Bertani 1995.
Para beber
-Poderuchio 2001
-Rosso de Montalcino Camigliano 2002
-Terrasole Reserva 1998
-Vila verne Reserva 2001
-Morellino di Scansano La Mora Cecchi 2003
Luiz otávio


Luiz Otávio Peçanha, só agora reparei neste post. Com a minha prolongada ausência perdi alguma informação e passei por este tópico sem o ler. Sorry!
O Paulo já disse tudo e pouco tenho a acrescentar. Apenas que depois do Brunello de Montalcino, Barbaresco, Barolo e Amarone della Valpolicella, será muito complicado voltar aos vinhos que propõe para beber... sobretudo ao Rosso di Montalcino.

Boa prova e esperamos ansiosamente pelos seus comentários.
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail Visitar a homepage do Usuário
paulo



Registrado: Quinta-Feira, 12 de Junho de 2003
Mensagens: 299
Localização: Matosinhos

MensagemEnviada: Ter Ago 09, 2005 5:40 pm    Assunto: Responder com Citação

Pois é, penso exactamente o mesmo e já tinha dito ao Luiz.
Existe um desequilíbrio muito grande entre os vinhos da prova e os que vão para a comida, este últimos vão “desaparecer” Confused Confused depois da prova e se eu estivesse lá (quem dera … Very Happy ) eu guardava um pouquinho de Brunello sem ninguém ver para acompanhar a minha lebre … essa é que é essa …….
Wink Wink
_________________
Paulo Espirito Santo
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail Visitar a homepage do Usuário
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Ter Ago 09, 2005 7:51 pm    Assunto: Responder com Citação

O problema é o preço da degustação, por R$ 150,00 por pessoa a preço de custo não tenho como colocar Brunello depois.
Mas graças as dicas de voces, vou tentando conciliar.
Em primeiro lugar vou fazer uma prova piloto no sabado, onde farei a mesma lebre e vou acompanha-la com o amarone para ver se casa bem, depois cheirar grãos de café e tomar um gole de café e testar um chianti para ver se consegue ter as sensações dele.
Se funcionar a contento vou colocar o rosso na primeira degustação antes do tignanello, ir até o barolo, servir a lebre e acompanhar com o amarone; pausa para café e depois beber.
Se não funcionar coloco o rosso em primeiro, tiro o brunello, vou até o amarone e depois sirvo a lebre com o brunello e depois o que vier.risos
No piloto vou ter uma boa visão do que fazer, e o problema é que para saciar a sede do pessoal tenho que ter pelo menos 12 garrafas(seram 12 pessoas), caso contrario faria a degustação, serviria outro brunello e fim.e seria o fim das minhas degustações. Rolling Eyes risos
abraços
luiz otávio
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
falcao



Registrado: Quinta-Feira, 17 de Outubro de 2002
Mensagens: 5553
Localização: Lisboa

MensagemEnviada: Ter Ago 09, 2005 9:28 pm    Assunto: Responder com Citação

luiz otávio peçanha escreveu:
(...) Em primeiro lugar vou fazer uma prova piloto no sabado, onde farei a mesma lebre e vou acompanha-la com o amarone para ver se casa bem (...)

Ui, ui, isso então faz ainda mais inveja! Ter direito a uma "prova piloto" com um alinhamento destes é quase pecado...

luiz otávio peçanha escreveu:
(...) e testar um chianti para ver se consegue ter as sensações dele (...)

Confesso que ultimamente tenho estado dedicado particular atenção aos vinhos italianos, nomeadamente ás regiões de Barolo, Barbaresco, Valpolicella, Chianti Classico e Brunello di Montalcino, com algumas incursões nos Super Toscanos e no Alto Adige. A paixão tem crescido de forma sustentada, com uma aproximação metódica e lenta, e começo hoje a compreender alguma regiões onde me sentia algo intimidado. A verdade é que o mundo dos vinhos italianos é apaixonante, mesmo sendo um mundo difícil e onde é fácil encontrar enormes desilusões. Mas os bons vinhos são únicos no estilo, inimitáveis e dignos dos maiores elogios.
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail Visitar a homepage do Usuário
luiz otávio peçanha



Registrado: Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2005
Mensagens: 1403
Localização: piracicaba/sp/brasil

MensagemEnviada: Qua Ago 10, 2005 12:35 am    Assunto: Responder com Citação

Não me resta mais nada a dizer, só a fazer, vamos ver no que dá. Very Happy
Isso que é responsabilidade boa. Very Happy
Como se diz por aqui, não dá lucro, mas diverte. Very Happy
Vamos ao sacrificio.sorrindo Very Happy
E se for para fazer, que seja bem feito. Very Happy
luiz otávio
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo Tópico   Responder Mensagem    NovaCrítica-vinho.com - Índice do Fórum -> Vinho Todos os horários são GMT + 1 Hora
Ir à página 1, 2, 3, 4  Próximo
Página 1 de 4

 
Ir para:  
Enviar Mensagens Novas: Proibido.
Responder Tópicos Proibido
Editar Mensagens: Proibido.
Excluir Mensagens: Proibido.
Votar em Enquetes: Proibido.


Powered by phpBB © 2001, 2005 phpBB Group
Traduzido por: Suporte phpBB